7 livros de enfermagem fundamentais para profissionais da área

enfermagem

Por Redação Secad   | 

A pandemia conferiu maior dinamicidade aos serviços de saúde. Nesse contexto, os profissionais que atuam no setor tiveram que assimilar rapidamente a identificação de sintomas e os cuidados dos pacientes contaminados. Na verdade, quem atua na área está habituado a mudanças – ainda que não na velocidade imposta pela COVID-19. Afinal, as descobertas científicas não param. No caso dos enfermeiros, isso pode ser feito acompanhando os lançamentos de livros da área.

Ainda que a internet abra um campo infindável de conteúdos sobre saúde, as obras escritas e organizadas por autores experientes costumam ser recursos mais confiáveis. Além disso, centralizam informações de diversas fontes. Para facilitar a atualização profissional e proporcionar o melhor atendimento aos pacientes, o Secad selecionou sete livros de enfermagem úteis a quem deseja ampliar os conhecimentos.

1. Manual de Diagnósticos de Enfermagem

Publicado pela editora Artmed, o Manual de Diagnósticos de Enfermagem é leitura obrigatória para enfermeiros que desejam ficar por dentro das inovações na área. A obra apresenta orientações sobre os diagnósticos, seu papel na enfermagem e como eles são aplicados na prática clínica, desde os critérios de avaliação até as intervenções específicas.

O livro é dividido em quatro partes – uma delas, dedicada exclusivamente aos grupos diagnósticos. São eles:

  • Condições médicas;
  • Procedimentos cirúrgicos;
  • Condições obstetrícias/ginecológicas;
  • Condições neonatais;
  • Distúrbios pediátricos/adolescentes;
  • Transtornos de saúde mental;
  • Procedimentos diagnósticos e terapêuticos.

2. Medicamentos de A a Z

A manipulação e a administração de fármacos são funções básicas na rotina em enfermagem. Entretanto, cada um possui especificações de uso, inclusive para evitar interações medicamentosas e efeitos colaterais. Acontece que o enfermeiro pode ter dúvidas sobre a melhor opção para o tratamento dos pacientes, mesmo que apresentem diagnósticos iguais. A 2ª edição da obra serve de apoio para estes e outros momentos.

O livro é direcionado a profissionais, estudantes e professores da área. Na primeira parte, apresenta os cuidados necessários para o preparo dos medicamentos e a adequação para seu uso seguro. Já na segunda sessão, traz uma lista com os fármacos que apresentam maiores evidências de terapêutica racional e que fazem parte da rotina de assistência à saúde em ambientes hospitalares, ambulatoriais e domiciliares.

3. Procedimentos e Intervenções de Enfermagem

Este é um dos livros de enfermagem destinados a profissionais que desejam relembrar temas específicos da graduação ou esclarecer dúvidas sobre procedimentos mais ou menos habituais. Afinal, são apresentadas 180 habilidades e técnicas usadas diariamente na enfermagem em quatro etapas estabelecidas pelos autores: coleta de dados, planejamento, implementação e avaliação.

Além disso, o livro justifica a escolha de cada procedimento. Outro diferencial é a apresentação de casos especiais envolvendo pacientes pediátricos e geriátricos, públicos que apresentam necessidades características das faixas etárias.

4. Fundamentos de Enfermagem

O livro de enfermagem serve de manual para enfermeiros por abranger desde as questões mais básicas da profissão até os procedimentos especiais. Também se destaca por considerar as diferentes formas de aprendizagem. Por isso, conta com ilustrações do passo a passo das diretrizes.

A partir da leitura, é possível obter uma base sólida para o pensamento crítico na profissão, a prática baseada em evidências científicas e a teoria da enfermagem. Além disso, qualifica conhecimentos quanto ao cuidado clínico seguro nos diversos ambientes em que enfermeiros podem atuar.

5. Bases Teóricas de Enfermagem

Um dos diferenciais do livro é fugir dos conceitos abstratos, focando na abordagem da aplicação de cada teoria com clareza. Afinal, como enfatiza a publicação, essa será a base de todas as decisões do profissional na rotina de trabalho. No entanto, no cotidiano, é comum esquecer de questões específicas. É justamente para suprir essa necessidade que se recomenda a leitura de obras assim.

6. Técnicas Básicas de Enfermagem

O profissional também pode esquecer a maneira correta de aplicar diferentes técnicas fundamentais na rotina da profissão. O livro de enfermagem é uma boa forma de conferir roteiros para cada uma das práticas, relembrando detalhes, inclusive.

7. História da Enfermagem: Versões e Interpretações

Conhecimentos multidisciplinares auxiliam no crescimento profissional. Por isso, além dos conhecimentos técnicos e teóricos, é recomendável aprender sobre a história da enfermagem. Esse é o maior trunfo da obra, que está em sua 4ª edição e vem se consagrando como um clássico sobre o assunto. A obra aborda questões filosóficas e análises documentais criteriosas, além de realizar a avaliação crítica de fatores socioculturais, políticos e históricos.

Quer mais conteúdos como este? Conheça a seleção de livros de Enfermagem publicados pelo selo Artmed.

whatsApp_image